Escritor francês de origem argelina (7/11/1913-4/1/1960). Nasce em Mondovi, atual Deraan, na Argélia. Ligado ao existencialismo, escreve ...Pressione TAB e depois F para ouvir o conteúdo principal desta tela. Para pular essa leitura pressione TAB e depois F. Para pausar a leitura pressione D (primeira tecla à esquerda do F), para continuar pressione G (primeira tecla à direita do F). Para ir ao menu principal pressione a tecla J e depois F. Pressione F para ouvir essa instrução novamente.
Título do artigo:

Albert Camus

97

por:

Escritor francês de origem argelina (7/11/1913-4/1/1960). Nasce em Mondovi, atual Deraan, na Argélia. Ligado ao existencialismo, escreve O Estrangeiro (1942) e A Peste (1947), entre outras obras. Ganha o Prêmio Nobel de Literatura de 1957.

Albert Camus Contraindo tuberculose na juventude, abandona o curso universitário em seu país e se dedica então ao teatro e ao jornalismo. Em 1937 publica O Avesso e o Direito. Em 1938 muda-se para a França, editando no mesmo ano Núpcias. Ganha fama em 1942, quando são lançados O Estrangeiro e O Mito de Sísifo, este último um ensaio falando do absurdo do destino humano.

 Durante a II Guerra Mundial participa da Resistência Francesa e colabora no jornal clandestino Combat, que se opõe à ocupação nazista. Intelectual de esquerda, rompe com os socialistas em 1952 ao denunciar os campos de concentração na União Soviética. Morre em um acidente de carro, na França, deixando os originais do romance autobiográfico OPrimeiroHomem, editado pela filha Catherine em 1994.