Filósofo grego (427 a.C.?-347 a.C.?), um dos pensadores mais importantes de todos os tempos. O platonismo concentra-se na distinçã...Pressione TAB e depois F para ouvir o conteúdo principal desta tela. Para pular essa leitura pressione TAB e depois F. Para pausar a leitura pressione D (primeira tecla à esquerda do F), para continuar pressione G (primeira tecla à direita do F). Para ir ao menu principal pressione a tecla J e depois F. Pressione F para ouvir essa instrução novamente.
Título do artigo:

Platão

97

por:

Filósofo grego (427 a.C.?-347 a.C.?), um dos pensadores mais importantes de todos os tempos. O platonismo concentra-se na distinção do mundo entre o que é visível, sensível (o mundo das coisas e dos seres), e o que é invisível, inteligível, ou seja, o mundo das ideias.

Nasce em Atenas, em família aristocrática, e inicia-se na filosofia graças ao encontro com Sócrates, de quem imediatamente se torna discípulo, por volta de 408 a.C. Após a morte de Sócrates, em 399 a.C., deixa Atenas e viaja por vários anos, até fixar-se no Egito. De volta a Atenas, funda em 387 a primeira escola de filosofia de que se tem notícia, a Academia, em que trata de recuperar a filosofia de Sócrates.

Platão Parte para a Itália 20 anos mais tarde, estabelecendo-se em Siracusa, na Sicília, para ensinar filosofia ao rei Dionísio. Retorna a Atenas e continua a administrar sua Academia, na qual incentiva o estudo e a pesquisa em áreas como ciência, matemática e retórica, além da filosofia.

Seus livros mais conhecidos são Apologia de Sócrates, em que retoma as teorias do mestre; O Banquete, em que expõe de forma poética a dialética do amor; e A República, que sintetiza toda a sua filosofia sobre a organização da cidade, a política, a dialética e a questão da imortalidade da alma. Morre em Atenas.